sábado, 31 de maio de 2014

Antagónicos adeuses

Há um ano atrás despedi-me dela com um misto de alegria e dor. Deixei-a (ou foi ela me deixou a mim?) com alguma mágoa, mas sabendo que ela já não havia como continuar o que havia entre nós. Deixou (e ainda deixa) saudades dos bons momentos, alguma angústia pelos maus, mas ambos sabíamos que havia chegado o fim. Deixei-a.
Não esperei encontrar outra tão rapidamente, mas encontrei. No entanto, nunca imaginei vir a gostar dela como gosto. Vista de fora, de longe, parecia fria e dava ares de que nunca me iria receber tão bem quanto recebeu. Achei que nunca iria criar a ligação que criei, especialmente sabendo que o que eu e ela tínhamos os dias contados. Mas reparei que tinha uma luz especial, um carisma particular. Quando dei conta, os dias contados passaram a ser mais do que o previsto...

Agora, ao fim de um ano, dou por mim exactamente na mesma situação, numa situação completamente diferente: a despedir-me. Mas há uma grande diferença em dizer adeus a um sítio onde começo a perder raízes e dizer adeus a outro onde as começo a ganhar.

Pode ser que volte. Espero voltar.

Para já, adeus Lisboa.

12 comentários:

  1. De repente, lembrei-me da música dos Xutos.. Olá Lisboa!! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A banda sonora foi mais "Os loucos de Lisboa". :)

      Eliminar
  2. Todos os caminhos vem dar a Lisboa. É simples :D

    ResponderEliminar
  3. Lá se foi o sonho de te encontrar nos transportes públicos... lol pode ser apenas um "até já" =)

    ResponderEliminar
  4. Acho que os transportes têm loucos suficientes para me guardarem lugar até ao meu (esperado) regresso. Estás bem entregue!

    ResponderEliminar
  5. Uns partem e outros chegam. Há quase um ano atrás também parti, e custou-me pela vida deixá-la. Agora, devido a novo desafio profissional, vou poder voltar a abraçá-la todos os dias.

    Quanto a ti, e se for essa a tua vontade, espero que seja apenas um "Até já" :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Foi um desafio profissional que me levou a Lisboa, vamos lá ver o que me aparece a seguir. Mas espero sinceramente que seja um "até já".

      Eliminar
  6. No futuro, quando visitares o histórico na secção das despedidas e te deparares com este post, quero que leias algo meu ;)
    Com os olhos inundados, digo-te que foi um imenso prazer conhecer-te. Tenho a certeza que os nossos caminhos vão voltar a cruzar-se porque és demasiado luminoso para eu não te encontrar...GMDT*

    ResponderEliminar

Aceitam-se pires de amendoins.