quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Resistência de enfermeiro

Que enfermeiros e enfermeiras enfrentam muita coisa na sua profissão, tornando-se imunes (ou quase) a muita coisa que deita abaixo o comum dos mortais, já toda a gente sabe. Mas estar quinze minutos no exterior, de manga-curta, a fumar pacificamente como se não estivesse a meia dúzia de quilómetros de uma montanha cheia de neve e como se não estivessem quatro graus celsius... é obra.

8 comentários:

  1. Respostas
    1. A questão que surge: só quem é assim forte é que pode ser enfermeiro, ou ser enfermeiro torna uma pessoa assim resistente?

      Eliminar
  2. Já têm o sangue frio por natureza. Não há frio que os assuste :p

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eh pá! Estás a querer dizer que os enfermeiros são como as cobras? :P

      Eliminar
    2. Há enfermeiros que são verdadeiras cobrinhas, mas não era bem no sentido literal do sangue frio que eu estava a falar ahahh

      Eliminar
  3. Respostas
    1. Não tinha cara de febre... (eu faço diagnósticos como a Maya, que diz que as pessoas não têm cancro porque não têm cara de quem tem cancro).

      Eliminar
  4. ser enfermeiro torna as pessoas resistentes! xD

    ResponderEliminar

Aceitam-se pires de amendoins.