sexta-feira, 14 de setembro de 2012

Há dias de manhã que uma pessoa de tarde não pode sair à noite

Após me ter cansado do look semi-cigano, ontem à noite, decidi aparar a barba. A meio do processo a máquina fica sem bateria deixando-me com ar de gato tinhoso. Ponho a máquina a recarregar a bateria durante a noite.

Engano-me a programar o despertador, que me acorda meia hora mais tarde do que o suposto.

Tento ligar a supra-citada máquina e, qual não é o meu espanto, a mesma não liga. Opção: barbear completo (coisa que pouco aprecio).

Na cozinha, todos os actuais três moradores da casa onde habito se lembraram de não lavar a louça da noite passada. Toca a lavar uma tigela e uma colher logo pela matina.


Por este andar, nem quero pensar...

14 comentários:

  1. Respostas
    1. Há quem lhe chame indie... há quem lhe chame doença contagiosa... pormenores :P

      Eliminar
  2. O último paragrafo fez-me lembrar a minha aventura por terras andaluzas.

    Mas a barba é sempre o cabo dos trabalhos. Depois há sempre gente que implica. Ou dizem que fica bem ou dizem que fica mal. Assim é difícil.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É que normalmente cá em casa somos apenas dois e costumamos lavar sempre no próprio dia. Logo na altura em que estamos três é que toda a gente se lembra de não tratar das lides...

      E a barba não me dá trabalho porque a ignoro a maioria das vezes :P. Ah... pormenor... cheguei agora a casa, liguei a máquina e... já funciona!!! :S

      Eliminar
  3. Manhãs atribuladas, quem não gosta... xD

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim... manhãs de sexta-feira então, ainda melhor.

      Eliminar
  4. Por este andar das duas uma: ou morres hoje numa situação bizarra daquelas que não lembra a ninguém ou conheces a mulher da tua vida.

    Agora a sério, vês no que dá a preguiça?
    Eu já cheguei a lavar louça às 3 da matina só por saber que no dia seguinte iria precisar dela e ficaria rabujenta por não a ter lavado.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não morri mas também não encontrei nada que não tivesse já encontrado.

      Oh pa... eu achava que haveria pelo menos uma tijelazinha em casa para mim... mas não... vida a minha.

      Eliminar
  5. O ser humano tem sempre a capacidade de rir das desgraças dos outros... ahahah. Ri-me mas estou solidária contigo vá. Não tenho problemas com barba mas tenho um azar do catano de vez em quando!

    Mas nem tudo é mau, ao menos não tens de comprar uma máquina nova :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado pela solidariedade. Acho que isto foi o universo a dizer para eu não me dedicar a cortar a barba. O aspecto mendigo fica-me bem.

      Eliminar
  6. Se fosse a Maya diria que era tudo culpa do alinhamento (ou falta dele) dos astros.. Não cortes a barba e lava a louça, a tua pelo menos lol

    ResponderEliminar
  7. Só por causa das coisas, vou lavar a casa toda hoje... a ver se fica tudo alinhado. Pelo menos os tapetes...

    ResponderEliminar
  8. meia barba é muito jeitoso. já tive disse e gostei bem... o próximo passo é comprar uma máquina com bateria mas que funcione ligada à corrente. já está na lista de presentes para o natal!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu não tinha meia barba, tinha ilhas de barba...
      E investi na máquina mais barata por isso...

      Eliminar

Aceitam-se pires de amendoins.